NÚMERO 5



Magnésio e exercício físico

“O magnésio é, de facto, um mineral com uma importância decisiva…é muitas vezes sugerido como um meio que aumenta a capacidade funcional em pessoas que fazem exercício físico. O magnésio é um mineral altamente recomendável nas pessoas que fazem exercício físico.””


PROF. DR. JOSÉ SOARES

PROFESSOR CATEDRÁTICO DE FISIOLOGIA NA FACULDADE DE DESPORTO DA UNIVERSIDADE DO PORTO



Image article 1

PETROVIĆ J | STANIĆ D | DMITRAŠINOVIĆ G | PLEĆAŠ-SOLAROVIĆ B | IGNJATOVIĆ S | BATINIĆ B | POPOVIĆ D | PEŠIĆ V.
MAGNESIUM SUPPLEMENTATION DIMINISHES PERIPHERAL BLOOD LYMPHOCYTE DNA OXIDATIVE DAMAGE IN ATHLETES AND SEDENTARY YOUNG MEN.
Oxid Med Cell Longev. | 2016

É bem conhecida a relação entre o sedentarismo e o aumento do risco de doenças cardiovasculares, obesidade e diabetes tipo 2. Sabe-se que a atividade física normal tem efeitos positivos sobre a saúde. No entanto, vários estudos têm mostrado que o exercício agudo e intenso pode induzir stress oxidativo e promover danos no DNA. Como o magnésio é essencial para manter a integridade do DNA, o objetivo deste estudo foi determinar se a suplementação com Mg de quatro semanas poderia impedir ou diminuir imparidade de DNA em jovens ativos e sedentários. O estudo demonstrou que o número de linfócitos do sangue periférico (PBL) com danos no DNA era significativamente superior em jogadores de rugby em comparação com estudantes com estilo de vida sedentário. Por outro lado, a suplementação de magnésio diminuiu significativamente o número de células com danos no ADN. Assim, os resultados deste estudo sugerem que a suplementação de magnésio durante quatro semanas de duração tem efeitos marcados na proteção do DNA de danos oxidativos induzidos pelo exercício.


Image article 2

MATIAS CN | MONTEIRO CP | SANTOS DA | MARTINS F | SILVA AM LAIRES MJ | SARDINHA LB.
MAGNESIUM AND PHASE ANGLE: A PROGNOSTIC TOOL FOR MONITORING CELLULAR INTEGRITY IN JUDO ATHLETES.
Magnes Res. | 2015 Jul-Sep;28(3):92-8.

O magnésio (Mg) desempenha um papel determinante na excitabilidade da membrana, na contratilidade e metabolismo muscular, sendo um nutriente essencial para sustentar os níveis de contração e desempenho muscular apropriados em atletas. O ângulo de fase (PHA), avaliada por bioimpedância (BIA), tem sido descrito como positivamente associado à maioria dos marcadores nutricionais e é um indicador da integridade da membrana e de distribuição de água entre os espaços intra e extracelulares. O objetivo do presente estudo foi verificar a associação entre indicadores de Mg e PHA como um preditor de saúde celular, numa amostra de atletas de judo. Judocas (n = 20) de nível internacional foram avaliados em duas ocasiões: durante um período em que o peso corporal era estável (M1), e antes da competição (M2). Alterações entre essas ocasiões foram calculadas como M2-M1. O PHA foi obtido por espectroscopia de impedância bioelétrica com uma frequência de 50 KHz. As alterações individuais em PHA foram positivamente associadas a alterações individuais no soro (r = 0,62, p = 0,004) e no Mg eritrocitário (r = 0,45, p = 0,048). Esses resultados evidenciam que, em atletas de elite, o PHA pode ser um indicador indireto da função muscular.


Image article 3

VOLPE SL.
MAGNESIUM AND THE ATHLETE.
Curr Sports Med Rep.| 2015 Jul-Aug;14(4):279-83.

O magnésio (Mg) é o quarto mineral mais abundante e o segundo catião divalente intracelular no corpo. O Mg tem um papel essencial na função muscular, na excitabilidade cardíaca, no tónus vasomotor, na pressão arterial, no sistema imunológico, na integridade óssea e nos níveis de glicose no sangue, promovendo a absorção de cálcio. Por ter um papel determinante na funcionalidade muscular e na regulação da glicemia, o Mg tem sido utilizado como suplemento ergogénico em atletas. Este artigo analisa os potenciais efeitos deste suplemento no desempenho atlético em artigos “peer-reviewed” publicados no período de 2003-2014.